Lei Maria da Penha: Temer veta concessão de medida protetiva pela polícia
9 de novembro de 2017
Rogerio Ceni é o novo técnico do Fortaleza
10 de novembro de 2017

Vale Livro: Bira destina emenda para que estudante possam adquirir livro na FeliS 2017

A 11ª edição da Feira do Livro de São Luís (FeliS), maior evento literário do Maranhão, inicia nesta sexta-feira (10) e vem com uma novidade. Nesta edição, os estudantes da rede pública de ensino terão direito a um Vale Livro para a aquisição de títulos. O benefício foi viabilizado pelo deputado estadual Bira do Pindaré (PSB), que destinou R$ 300 mil em emenda parlamentar.

Cada estudante, segundo ele, receberá um vele no valor de R$ 30,00, beneficiando um total de 10 mil jovens maranhenses. O objetivo do Vale Livro é estimular a leitura – para o socialista a principal porta de acesso ao conhecimento, mobilizar os estudantes a participar da Feira do Livro e valorizar o trabalho dos livreiros, estimulando a economia local.

“A Feira do Livro já faz parte do calendário cultural de São Luís, a capital que tem o título honroso de Athenas Brasileira justamente pelo seu destaque na área da literatura. Então, é algo que não pode faltar e que este ano vem com toda força graças à parceria entre a Prefeitura de São Luís e o Governo do Estado, e esse anos traz mais essa novidade importante, que é conceder Vale Livro para que os estudantes possam comprar livros durante o evento”, frisou.

O parlamentar acrescentou, em discurso na Assembleia Legislativa do Maranhão, que a FeliS 2017 deve contar com a participação de 200 mil pessoas nas mais variadas atividades que o evento oferece. Segundo pontuou, haverá, além das atividades artísticas, 40 lançamentos de livros, 50 palestras mesa-redonda, mais de 20 oficinas, 07 debates literários com pesquisadores, poetas maranhenses, 14 escritores nacionais e outras atividades que vão acontecer durante todo o período da feira.

Dentre elas, a presença de mulheres de renome nacional como a poetisa, jornalista e cantora, Elisa Lucinda, da cantora rapper, Negra Li, e da escritora Ana Maria Gonçalves. “Quero destacar também que esta edição da Feira do Livro faz homenagem especial à escritora Maria Firmina, a primeira romancista brasileira, que nasceu aqui no Maranhão, no município de Guimarães, e enfrentou os grilhões da escravidão, demonstrou sua força de superação, se tornando referência nacional da literatura em todo o território brasileiro”, pontuou.

A emenda será operacionalizada por meio de um convênio entre a Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia e a Sociedade dos Amigos da Biblioteca Pública Benedito Leite; e distribuído pela Secretaria de Estado da Educação (SEDUC) e pela Secretaria Municipal de Educação de São Luís (Semed). De acordo com o socialista, todos os estudantes que desejarem participar, devem procurar os gestores das escolas que estudam.

“Eu sei que hoje nós temos a facilidade dos meios eletrônicos, mas uma boa leitura de um livro é absolutamente insubstituível e, por essa razão, é que nós fazemos parte com muito orgulho dessa iniciativa que vai fortalecer a Feira do Livro de 2017, por meio do Vale-Livro. Portanto, parabéns ao Governo do Estado, parabéns à Prefeitura de São Luís, parabéns ao povo de São Luís do Maranhão por mais uma edição da Feira do Livro que é uma marca registrada da nossa querida cidade e do nosso estado do Maranhão”, concluiu.